07 julho, 2008

Blogar ou não blogar, eis a questão




Na Scientific American Brasil de junho foi publicada um artigo sobre Science 2.0, ou seja, sobre novas formas de se fazer ciência permitidas pelas ferramentas de publicação de conteúdo, inclusive os blogs. Nesse artigo, a questão dos blogs científicos não é encarada de forma muito otimista, mas talvez isto seja devido a uma visão restrita sobre como poderíamos usar blogs para fins científicos.


Entre os vários fins imagináveis comento alguns formatos com que tive experiência própria. Bom, o primeiro é o próprio SEMCIÊNCIA que, assim como a Maria Guimarães do Ciência e Idéias comentou, me permitiu conhecer várias pessoas interessantes, ter contato com jornalistas científicos etc. Continue a ler aqui.

4 comentários:

João Carlos disse...

Também disseram que blog de ciência não deveria ter fotos de filhos, cachorro, etc.

Ué!... Por que?... "Blog de Ciências" tem que ser uma coisa vetusta e "séria"?... Bom... O site do Baez não é, nem os Blogs de muita gente boa... Por falar em não-sério, que tal o Improbable Research"?...

Não vejo por que "ciência" tenha que ser "respeitável"... (Coisa mais "antiga"!... :( )

Isis disse...

Um blog, de ciencia ou nao, e um diario. Onde postamos o que concluimos interessante na nossa vida e para o leitor...

No meu blog tambem coloquei uma materia de blogs cientificos...

Maria Guimarães disse...

isis, não achei a sua matéria de blogues científicos.
concordo - a gente põe o que chama a nossa atenção, e por acaso algumas outras pessoas também se interessam.

Uákiti Pires - 大尉(Taichou) disse...

Eu vejo os Blog's de Científicos como uma nova forma de abordagem dos temas que as vezes são de estudos massantes ou totalmente desconhecidos pelas pessoas... imagine estudar ciência usando todos os inovadores e atraentes recursos da internet como vídeos, imagens, textos interativos e muito mais!

Eu particularmente gosto de cologar humor na área que estudo e acho que pelo menos para alguém isso será interessante e ajudará a fixar tal idéia ou contexto.