09 setembro, 2006

Blogs e Academia

Eis que chega a primavera no hemisfério sul do planeta (porque aqui onde moro o vento frio do outono já paira no ar...) e com ela, mais um ciclo de discussões no Roda de Ciência. Nesse mês, decidimos discutir sobre uso da internet na academia.

(Leia o resto aqui.)

10 comentários:

Chico disse...

Oi,

Concordo inteiramente com Lúcia quanto a debater sobre as funções dos blogs dentro da ciência..

Internet precisa de interatividade, a maior função desta maravilhosa ferramenta é promover o contato, estreitar as distâncias..

Mesmo sendo esse "fim das distâncias" uma realidade já palpável, ainda faltam passos importantes a serem dados.

Blogs ainda estão longe de atingir a tal da "maturidade do produto". Por mais que novos recursos para a mãe internet venham a surgir, sempre vai ser possível fazer uso destes dentro do próprio conceito de blog. E isso aos poucos começa a se tornar realidade..

Todos já sonhamos em algum momento com aquele livro com figuras dinâmicas, gráficos animados, voz do professor dando aquela dica, vídeo de u ma aula sobre o tema em alguma universidade na europa, ou da prática aplicada em um outro ponto da África setentrional.. ;)..

Isso já é possível, e muito mais ainda está por vir. O ponto x agora é a interação.. Não mais a partir de simples comentários, mas permitindo comunicação real via blog.. via voz.. deixando lá os recados.. as anotações...

Existem vários pitfalls envolvidos aqui.. segurança da informação, interoperabilidade entre os diversos formatos de arquivos, sistemas e níveis de acesso ..

Mas o futuro sorri a favor daqueles que lutam por mais conteúdo de qualidade..

Vi em algum lugar algo sobre apenas 3% da população internauta produzir algum tipo de conteúdo..Esse dado por si só já dá uma dimensão do que ainda está por vir..

Ótimo tópico a ser discutido,

Abraço a todos,

via gene disse...

Puxa... lembrei das tardes na biblioteca "enfiada" no Biological Abstracts... assim como do tempo em que havia apenas um computador no prédio para acessar alguma coisa parecida com email (via um tal de CCVAX, ou algo assim).

Quanto à questão do blog na academia ainda acho polêmica... de maneira geral vejo mais preconceito (ou mesmo indiferença) do que estímulo para a prática de manter um blog, não vejo a abertura que vc comenta, mas fico na espectativa de não estar olhando na direção certa e quem sabe seu otimismo prevalecer, fico na torcida.

abraços,
ana claudia

Anônimo disse...

Oi, Lu, tema importantíssimo, o que vocês escolheram esta semana, e você, como sempre, deixou farto material para reflexão.

Acompanhando de longe a discussão contra os criacionistas, tenho a sensação que os cientistas-blogueiros já conseguiram realizar um impacto bem considerável na opinião pública média. Ponto para a ciência.

Quanto ao seu penúltimo parágrafo, infelizmente temos tido exemplos, nas ciências humanas (onde tudo é tão imediatamente politizado), de que pelo menos para os professores ainda sem "tenure" que se candidatam a uma vaga numa universidade, ter um blog pode ser perigoso. Beijão,
Idelber

Anônimo disse...

Olá, Lucia!

E viva o homem!!....ainda dizem coisas más sobre a internet...outra coisa boa é que voce encontrar mais facilmente o que difere do que voce leu para que voce tire sua roprias conclusões...éso clicar.

Um beijo e boa semana
Sergio

Anônimo disse...

Isso é vergonhoso, né Lúcia, que os dados não possam ser expostos, pois pessoas de má-fé possam se apossar deles. Essa é a triste realidade q a Internet ajudou a ampliar. Um abraço
Maitê

Lucia Malla disse...

Chico, acho q a questao da seguranca eh das mais cruciais em geral, mas no caso do uso academico da ferramenta "blog", ainda vejo o texto q o Idelber citou como uma tendencia mais forte: ser um entrave. Infelizmente. Por isso meu texto tentou mostrar o lado bom da coisa, uma tentativa nanometrica de mostrar q hah potenciais inexplorados nessa internet sem porteira.
Hah de se romper primeiro esse preconceito basal da Academia com qualquer veiculo formador de opiniao cientifica - eu tenho a sensacao as vezes de q a Academia gosta de ser "fechada". Isso eh insustentavel , a meu ver.

Ana, eu sou uma pessoa otimista por natureza! ;-)

Caio de Gaia disse...

Você é de facto a optimista do Roda. Não me atrevo a comentar sobre o optimismo ou falta dele da Via Gene, não vá a Ana Cláudia dar-me outro puxão de orelhas por tentar adivinhar o que ela está a pensar, mas pelo menos eu sinto-me um pouco envergonhado por apresentar uma visão tão mais pessimista na minha contribuição, que se centra apenas no ruim.

Nas Universidades onde fiz pesquisa aqui em Portugal (Lisboa e Porto) a Academia gosta claramente de ser fechada. Aliás o termo que se usa para a divulgação é na maioria das vezes "vulgarização", e é em geral utilizado pelos académicos com cunho pejorativo. "Aquele indivíduo é um vulgarizador, que horror..."

Quanto ao preconceito em relação aos blogues, não notei que exista. Mas também há tão poucos, e duram em geral tão pouco tempo que ainda não dá para avaliar. Já agora, por falar em durar pouco notei uma baixa, o Osame encerrou definitivamente o SEMCIÊNCIA.

Caio de Gaia disse...

Pelos vistos exagerei na minha notícia da morte do SEMCIÊNCIA. Tudo indica que vá voltar. É o que dá aceder à internet em tempo de férias. Quem sabe consigamos ter dois optimistas na roda de ciência num futuro próximo.

Maria Guimarães disse...

caio, como assim "tudo indica que vá voltar"??? estou de férias também, e por fora - o osame deu sinais de vida?
concordo com a ana, há um preconceito contra blogs - bloqueados em algumas universidades e no sorrisinho comum quando perguntam "você tem um blogue?".
e lúcia, concordo que blogues são uma ferramenta fenomenal para divulgação de ciência. acima de tudo porque há espaço para discussões, dúvidas e discordâncias - de parte tanto de leigos como especialistas. isso mostra que a ciência não costuma ser detentora de uma única verdade, que não há consensos, que há diversos caminhos a tomar, que sempre tem espaço para questionamentos. se eu pudesse divulgar um único aspecto da ciência, seria esse.

via gene disse...

Olá Maria,

se o Caio me permite, eu respondo: é que o site do SEMCIÊNCIA (quase escrevi Sem-Ciência, só para provocar o Osame :) e ver se ele se manifesta por aqui) está exibindo uma mensagem de que está "fechado para balanço", ou alguma interpretação parecida. E que volta em algum momento, sem prazo definido. Ficamos na torcida pela volta!
Sem mais,
ana claudia :)